19 outubro 2012

COMPLEMENTOS DIVINOS - 19.10.2012



São espíritos altamente evoluídos, que já ascenderam a níveis muito elevados de existência. 


São espíritos que, ao longo de suas caminhadas progressivas, um dia encarnaram como Chamas Ardentes e posteriormente como Almas Gêmeas. 


Esses espíritos continuam sendo Almas Gêmeas, no sentido da profunda ligação do amor, extraordinária semelhança ou parecença e notável identificação, porém são mais do que almas, pois são ligados e referenciados em algo muito superior, ou seja, a essência espiritual. 


O sentido da sua união é representar o melhor de um homem e de uma mulher unidos como um pelo Amor, um amor de natureza divina, grandioso e puro, onde os mais importantes representativos sejam o sentido de abnegação, generosidade e doação. 

Simpatia, interesse mútuo, reciprocidade, atração, amizade, afeto, carinho, compreensão, perdão são atributos possíveis para o amor humano, e Complementos Divinos possuem todas as qualificações, mas no mais alto sentido e aplicação superlativa. 


São espíritos cujo enfoque principal de atuação é aquele que ainda está encarnado ou em fases intermediárias de encarnação; ou, em outras palavras, são espíritos que, mesmo deslocados de qualquer necessidade tida como humana, trabalham intensiva e exaustivamente pelos mundos em evolução e por seus habitantes, incluindo as formas-espíritos inumanas ou animais, as formas-espíritos natureza com todas as suas representações e estruturas e a própria forma-espírito-planetária. 

Motivados pelo mais alto sentido de Amor, generosidade e doação, Complementos Divinos são capazes de descer aos menos elevados e aos planos umbráticos, onde espíritos em intenso sofrimento e dor aguardam que lhes venham prestar socorro. 

Esta ação é voluntária e altamente arriscada, pois eles expõem sua estrutura purificada e estruturada em matéria altamente rarefeita a situações pesadas, sufocantes, autênticos lamaçais espirituais. 


Para poderem retornar a seus planos de existência após a descida a esses infernos abissais, necessitam passar por câmaras de purificação para se livrarem da impurezas e escórias dos submundos espirituais. 

São espíritos que, como o nome diz, muito apropriadamente, se complementam, se completam e fazem dois agir e existir com todas as virtudes e qualificações positivas como se somente um fosse. 

São luzes da mais rara beleza que experimentam seu momento de esplendor, que galgaram muitos dos infinitos degraus da escala evolutiva e continuam subindo, ascendendo, purificando-se e, acima de tudo, amando-se. 


São formas-luz que abrem suas asas esplendorosas como os Anjos sobre aqueles que trilham os caminhos, que um dia eles também Já trilharam. 

www.magnifica.com.br
Enviar um comentário