MESTRA NADA



Oração Diária do Guardião da Chama 

Uma Chma é ativa
  Uma Chama é Vital
      Uma Chama é Eterna.
              
EU SOU uma Chama Divina de amor radiante
Que emana do Coração de Deus.
No Grande Sol Central
E desce do Mestre da vida!

O meu ser transborda agora
Com a suma Consciência Divina
E a Percepção Solar
Dos bem-amados Hélios e Vesta.

Peregrino na Terra,
Avanço cada dia pelo caminho
Da Vitória dos Mestres Ascensos.
Que me conduz à liberdade eterna
Pelo poder do fogo sagrado
Hoje e sempre,
Manifestando-se continuamente
Nos meus pensamentos, sentimentos e percepções,
Transcendendo e transmutando
Todos os elementos terrenos
Nos meus quatro corpos inferiores
E libertando-me, pelo poder do fogo sagrado,
Desses focos de energia corrompida, presentes no meu ser.

EU SOU libertado neste instante de tudo o que escraviza.
Pelas correntes da chama divina,
Do próprio fogo sagrado,
cujo efeito ascendente faz de mim
Deus em manifestação,
Deus em ação, por Ele guiado
Eu sou um só com Sua consciência!

 EU SOU uma chama ativa!
EU SOU uma chama vital!
   EU SOU uma chama eterna!

EU SOU uma centelha de fogo em expansão
Originada no Grande Sol Central.
Atraindo a mim agora todos os raios
De Divina energia de que necessito
E que nunca pode ser qualificada pela criação humana
E que me inunda da luz e da divina iluminação de mil sóis
Para que exerça o domínio
E seja eternamente a suprema autoridade
Onde quer que eu esteja!

Onde eu estou, está Deus também.
Para sempre EU SOU um só com Ele,
Intensificando a minha luz
Com o sorriso do Seu esplendor,
A plenitude do Seu Amor
A onisciência da Sua Sabedoria,
E o poder da Sua Vida eterna,
Que automaticamente me eleva
Nas asas vitoriosas da ascensão,
Que me farão regressar ao Coração de Deus
Do qual eu desci, na verdade,
para cumprir a sua Vontade
E a todos manifestar a vida abundante! 

Selar com este decreto:
E com toda a fé, eu aceito conscientemente que isto se Manifeste, que se Manifeste, que se Manifeste. Aqui e agora, com pleno poder, eternamente mantido, e em Expanção, ... até que todos tenham ascendido na Luz, e sejam Livres. Que assim seja de acordo com a vontade Divina. Amen .
Mestra Nada







Mensagem após a conclusão dos portais em Portugal -24.10.2012




Quem é Mestra Nada


Mestra Nada é a Chohan do Sexto raio (o raio Púrpura e Dourado), que representa  paz, ministério e serviço. Como membro do Conselho do Carma, também actua no terceiro raio (cor-de-rosa) do amor divino. Com Nada, aprendemos a aplicação prática do amor e a senda da crísticidade pessoal, por meio do ministério e do serviço à vida.

A Mestra Ascensa Nada auxilia ministros, missionários, curadores, psicólogos, advogados e funcionários públicos – todos que se dedicam a atender às necessidades dos outros. 

“Não importa qual seja o vosso treinamento e a posição que ocupais”, disse Nada. “Não é o que fazeis com as vossas mãos, mas sim o que fazeis com vossos corações, que conta."

Na civilização Atlântida, Nada trabalhou com as artes da cura e serviu como sacerdotisa no Templo do Amor. Nada esteve encarnada como Advogada, na Atlântida, onde defendeu a causa da justiça divina para os oprimidos e desvalidos.

Ela relata sua experiência de guardar a chama dos últimos dias da Atlântida: “Como me lembro bem dos últimos dias da Atlântida! Aqueles entre nós que ali estavam mantendo a vigília em meio ao esforço dos portadores de luz encarnados reuniram-se recentemente no rancho do Royal Teton para examinar de perto as causas e condições que levaram ao julgamento final e ao afundamento daquele continente e do seu povo.”

Os malfeitores daquele tempo, e também os de agora, continuaram a agir mal até o dia do cataclismo, vangloriando-se de serem imunes às leis de Deus, de que o Carma não é real e de serem deuses na Terra (...)

Em sua encarnação final, há 2700 anos, Nada era a filha mais nova de uma grande família de crianças excepcionalmente bem dotadas.

Foi instruída por Caridade a expandir a Chama Trina do amor em seu coração, para aceleração dos Chakras dos seus talentosos irmãos e irmãs. Optou por renunciar à própria carreira naquela encarnação e, em seu lugar, decidiu manter a chama em profunda meditação e oração pelos irmãos, em seus vários campos de atuação.

Você pode conhecer um pouco mais da vida e obra da Mestra Nada no livro Senhores dos Sete Raios.





A Vida de Mestra Nada


Mensagem recebida em 17 de Novembro de 1999

“Eu nasci filha de camponeses. Pais humildes, mãos calejadas do trabalho, que não tiveram tempo de me acariciar. Colos que eu aprendi a não reclamar. E, ainda que tivesse nascido num país frio, onde não havia tardes de sol nem as manhãs acobreadas e quentes, sentia o calor do coração, eu nasci com um amor tão grande dentro de mim, que nunca fui capaz de sentir tristeza. 

Sentia o calor que aquecia minha alma, que, por maiores que fossem as desarmonias externas, e existiam tantas, eu era intocada e ainda assim não tinha a menor consciência de que era diferente das outras pessoas. Hoje, eu sei que o amor me fazia igual, me aproximava e me fazia expandir. Eu tinha muitos irmãos. Éramos nove. E nem sempre na minha casa, na mesa onde comíamos, havia o suficiente para todos. 

E assim eu fui aprendendo a precisar de pouco, pouco alimento, poucos desejos. Porque havia em mim uma capacidade de mesmo recebendo pouco, sentir muito. Então, saciava minha fome quando via o meu irmão se alimentar. Saciava a minha ânsia de receber carinho, amor, quando eu amava. Saciava a minha vontade de calor quando sentia o meu coração tão quente, fervendo e pulsando, dentro de mim. 

Saciava a minha necessidade de compreensão quando olhava nos olhos do meu pai e compreendia o sentido das palavras que saiam dele, esquecendo os impropérios de sua boca. Eu aprendi a sentir.... Eu aprendi a ser tocada por aquilo que as pessoas não falam, mas pelas emanações das suas almas. E quando, dentro desse triste quadro aos olhos humanos, veio a guerra, muitas das casas foram destruídas.

Houve incêndios, crianças perdidas, mulheres sem condições de criar seus filhos. E nessa época, então, eu era adolescente e tentava compreender a vida. Não havia os medicamentos, , mas havia feridos em abundância. Então, eu orei ao Pai e, numa visão, percebi que o solo coberto de neve, gotejado de sangue humano, se transformava num tapete onde a grama nascia forte. E onde havia frio, nesta minha visão, havia sol, havia luz, havia calor. E onde havia rostos sofridos, na minha visão havia Paz. 

E esse sentimento percorreu a minha Alma, chegou ao meu corpo e me deu uma força sobre-humana, de compreensão, de amor, de aceitação. E isso foi tão grande em mim que eu queria repartir com as pessoas. Eu queria falar para elas; não vejam o sofrimento, não se comuniquem com a dor, não se comuniquem com a fome, não se comuniquem com a privação. Isso não existe ! Existe um mundo de luz. E eu queria dizer às pessoas aquilo que estava sendo mostrado para mim, porque aquilo era uma bênção. 

E como pouco eu podia fazer, como remédios não existiam, lambi as minhas mãos e, com a saliva, toquei os ferimentos. E as pessoas se curavam, me chamavam de Santa, e eu dizia : -“ Não, eu não sou nada. Eu não sou nada”. Quando as feridas paravam de sangrar, as pernas ganhavam novamente desenvoltura, e os aleijados caminhavam; quando eu tocava o estômago daqueles que doentes estavam, e eles sentiam um calor como se um pão que  tivessem comido de novo, me chamavam de Santa e eu dizia : “- Não, eu não sou nada.

Eu só encontrei a minha comunicação com Deus. É você que se cura. Deus está curando, atravéz das minhas mãos. É o Pai que faz, não sou eu”. Você é filho de Deus !! E quero tocar a cada um de vocês com esse mesmo amor. E não digam que eu sou santa ou que santa são as minhas palavras, porque santo é Deus, em sua absoluta sabedoria quando lhes dá os desafios, apenas como instrumento do seu próprio crescimento. E eu digo a vocês, meus filhos: Amem o altíssimo e agradeçam os desafios em suas vidas. Porque se confusões, dores e sofrimento existem, existem para despertar.

Porque se desilusões existem, é porque vocês estiveram um dia iludidos. Eu sou Nada, a Mestra ascencionada do Sexto Raio. Trabalho para a chama Rubi, do adorado Mestre Jesus. E sirvo, com a totalidade do amor, que sou capaz de dar, a essa Chama, que ensina o sacro ofício. Não entendam nada na vida de vocês como sacrifício, se não podem fazer dessas situações, desses exercícios de fé, uma ação sagrada. Sacrifício é fazer das trevas a Luz !! Do medo, a fé. !! Dos desafetos, o amor !! Hajam, em nome da Chama Rubi, com consciência.

E, agora, que sabem um pouco mais de mim, se me quiserem me acolham como mãe. Porque eu digo: Eu os amo como filhos........ Estamos com vocês, tocando os vossos corações.
 Any Lucy




MENSAGEM DE MESTRA NADA
 " Os Construtores do Encanto "
 "Há muitas moradas na casa de meu Pai !!"

 Duas criaturas divinas, um dia saíram de Vênus, pai e filho... Viveram muitas vidas na Terra. O pai, em sua última existência, chamava-se Walt. O filho, chamavam-no Michael, também na sua última jornada terrena ! Os meus amados filhos da Terra ainda, em sua maioria, não sabem ou não se lembram de muitos acontecimentos planetários! Como esta história que vou lhes contar, pois a cada dia urge que estejamos trabalhando pela conscientização dos seres humanos... 

Estamos empenhados em que mais argumentos verídicos cheguem às mentes dos terráqueos, a fim de que possam, a cada dia, fazerem as suas reciclagens evolutivas e tomarem decisões adequadas sobre seus destinos, a partir de agora...tempo de escolha ! Estes antigos, majestosos e alegres seres, que brincavam nos seus castelos de belezas inenarráveis, construídos pela força de seus pensamentos, atuando no “Fluido Cósmico Universal”, decidiram-se por retornar a um recanto do universo chamado Terra, no tempo em que eram imprescindíveis muitos recursos de nossas regiões venusianas ao planeta. Como em muitos mundos toda a verdade é expressada naturalmente aos seus habitantes, um dia esses amados personagens souberam que havia acontecido um "apadrinhamento", por parte do governador de seu planeta (Sanat Kumara, Vênus ), a uma outra moradia cósmica...a Terra. 

Alguém que lê estes nossos apontamentos pode estar se perguntando se esta mensagem é autêntica. Podemos daqui pressentir essas dúvidas naturais dos seres humanos e a sua resistência ao "novo". Ousamos, por vezes, mudar! Mudar estilos estáticos, e adentrarmos reinos da palavra que também enlevem e informem os seres, com novas modalidades de escrita, a fim de que o dinamismo imprescindível da reciclagem de valores, idéias, concepções e uma abertura para novos parâmetros espirituais possam se estabelecer na nova Terra. 

Quando disse o Cristo: - "Há muitas moradas na Casa de meu Pai !!", o que ele quis dizer era exatamente isso. Moradas são moradas, como a Terra é vossa morada atual. Vénus era então, neste ponto de evolução das almas de Walt e de Michael, a sua morada feliz...

A humanidade deve ir se acostumando, pois assim como conhecem a história de seus povos, de suas nações, em todas as épocas do globo terrestre, mesmo com falhas ou lacunas nos arquivos possíveis, a "história da população galáctica" também será contada e conhecida nas aulas de vossos colégios dos próximos milênios. 

Mas, para situar a todos no contexto do tema eleito por nós, façamos um breve explicativo de alguns tópicos que esclareçam onde pretendemos chegar. Houve uma miscigenação de raças cósmicas que migraram para a Terra, como exilados, ou como missionários, quando da decisão de Sanat Kumara de arrefecer as ponderações de sábios conselheiros do Universo, quanto à extirpação do planeta Terra da órbita solar. 

Afirmavam, estas sábias criaturas estelares, que assim seria melhor, justamente para que não se gerassem migrações de seres exilados de outros orbes para ele, pois isso demandaria eras de reconstrução planetária....Enfim, diziam eles, senhores do Conselho Galáctico; - " A Terra sera banida do Sistema Solar!" O governador de Vênus, Sanat Kumara, fundador de Shamballa na Terra, e que é o representante fundador do governo espiritual da Terra, através da Grande Fraternidade Branca Universal, ao lado de Saint Germain, abdicou de sua transferência e ascensão para ainda outros degraus, de oitavas dimensionais angélicas, onde poderia estar nos dias de hoje, para consagrar-se a recuperar a Terra, aquele ser planetário em tumoração de aparente e suposta inexequível ação qualquer de restabelecimento rápido. 

Seus argumentos de inefável brandura, como alma experienciada em turbilhões de degraus de vida espiritual em estâncias de luz, lograram a permissão intergaláctica de que este "Câncer Orbitário", a Terra, fosse alvo de "Cura Cósmica", através dos recursos que este grande ser apontou como viáveis para a população terráqueos.  Pensou em todos os conhecimentos que a humanidade terrena deveria obter ao longo dos séculos e dos milênios. 

Ponderou sobre todas as formas possíveis de a população terrena tão heterogênea, conseguir ultrapassar as barreiras frequenciais, dadas as condições de estar em processo de duelo entre forças malignas e falanges de luz. E isso, amados, todos estão estudando e conhecendo aos poucos, através de muitos mensageiros que tem trazido à luz do conhecimento humano, muitas verdades de todo o sempre.

Boa parte dos estudiosos espiritualistas sabe já sobre antigas civilizações que submergiram, sobre a existência da alma, da imortalidade do espírito, das vidas sucessivas, do poder dos Mestres dos Raios que incidem sobre a Terra, da companhia invisível dos seres sombrios do plano astral da Terra, da presença das legiões draconianas recalcitrantes, que interferem na vida humana e do organismo planetário...e muitas outras coisas sobre a vida humana, estelar, cósmica. Já está extensa também a lista das seitas, filosofias, religiões e de mestres que aportaram na Terra, em todos os tempos. Há bibliotecas imensas de ensinos e "pontos de vista" sobre muitas questões de interesse dos seres humanos. 

Há bastante material intelectual, também, sobre mecanismos de depuração espiritual, mental, astral, emocional, e de manutenção da saúde física e da harmonia energética dos centros de força dos corpos humanos.  Da mesma forma, estão evidentes muitos grupos e organizações de voluntariado e empresas capitalistas, em muitas áreas de ação humanitária, política, social, ecológica, e muitos outros.

Então, hoje, filhos da Terra, com este amoroso testemunho que iremos confidenciar aos amados habitantes deste vosso planeta, ainda em restauração, por parte daquele venerável ser que respira o hálito divino na aura planetária de Vénus, e que ainda o administra e intercede, junto a outras hierarquias siderais, para que o trâmite ascensional pelo qual o vosso orbe irá passar não seja a ponto de deslocar estruturas importantes para o futuro da nova humanidade,..... desejo vos falar do "ENCANTO"! 

Em comunhão com Cristo, esta que vos fala anseia elevar o vosso nível de "Esperança", lembrando-nos e relatando a vós, os sonhos possíveis que aqueles dois venusianos, pai e filho, decidiram-se a oferecer à Terra, sabedores dos passos imensos que a humanidade ainda deveria dar para chegar até o grau de luz onde eles já conheciam, em plenitude. A alegria, o respeito a cada ser, o amor imparcial, a ternura, a beleza, o sonho encantado de suas almas, materializado por plasmações ideo-plásticas de suas próprias mentes, que criavam, então, os seus reinos particulares de luz, que propiciavam, também, a muitos dos seus companheiros planetários, um inebriante êxtase de alma, eram as suas vivências naturais, constantes e permanentes. 

No momento atual, vós que sois os resultados de todas essas miscigenações planetárias, raciais, religiosas, e da mistura de valores e costumes "de" e "entre" todos os povos do planeta...e que falam em ascensão... falam da fome, da pobreza, da luta espiritual pelo vosso crescimento, dos movimentos sociais, da necessidade de mudanças urgentes pela expansão da consciência humana, para o humanitarismo, para a idealização de outras rotas de equalização social e espiritual entre todos os homens e todas as questões de interesse coletivo... devem saber que ainda há uma outra "Meta" humana e universal a ser atingida.

Esta meta é uma "Vibração do Universo"!! É uma meta que poucos conseguem "traçar" e muito poucos conseguem "sentir"... E, mais raro ainda, "alguns", apenas, conseguem "extrair" dessas suas metas atingidas, lições e resultados de "igual importância" para a iluminação das almas. Esta meta enigmática, amados, é "rara" e é uma busca espiritual de apenas poucos seres aí do vosso atual casulo planetário. Quem busca atingir esta meta evolutiva são almas consagradas a um tipo específico de vocação universal, pois nem todas as almas criadas pelo Pai anseiam vivência-la. 

Ela faz parte de uma linha de frequência universal a qual somente se ligam almas devotadas a gerar um tipo de sentimento único, singular, onde não é preciso que elas tenham se aprimorado em dons da álgebra universal, nem mesmo na ciência genética divina, muito menos no conhecimento das leis da magia cósmica, ou do poder dos astros e dos números, das formas, dos raios e das cores.  Não são, também, almas que se consagram a somente participarem de uma categoria universal de médicos, escritores, xamãs, devas ou anjos protetores, nem mesmo seres que conheçam a fundo as leis do magnetismo ou que tenham funções de serem mestres ou comandantes de efusões planetárias... 

Nada precisam saber sobre radiações, átomos ou populações extraterrestres... São seres que se consagram à expressão de uma tonalidade de vibração espiritual ímpar no universo. É uma tonalidade, ou a frequência divina de uma sensação espiritual e até mesmo física, quando as almas estão em vaso físico, propiciada pela energia propulsora de emoções obtidas às custas de um embevecimento espiritual.  Falo da energia dulcíssima e ao mesmo tempo vibrante, extasiante, dos "CONSTRUTORES DO ENCANTO" !!! 

Falo destes dois seres venusianos que "encantaram a Terra" ! E que souberam, como ninguém, ampliar o espectro de sensações embriagadoras, cuja amplitude áurica torna-se tão elástica que conecta-se às frequências dos seres dos mundos védicos, ligados às egrégoras específicas dos sonhos, dos aromas, dos reinos das fantasias, dos sons, das criações visuais ou dos movimentos sincrônicos que ativam eletricidade...  Trouxeram, cada um a seu modo, "Sonhos" e "encantamento", energias vibrantes de poder balsamizante ou revitalizante a crianças, jovens e idosos, homens ou mulheres... 

No itinerário da evolução espiritual das criaturas constam muitos quesitos de experimentação para que os seres possam atingir "iluminação". E "iluminação espiritual" não se limita a graus e posturas angelicais de circunspecção e seriedade, como se fora ela uma penitência eterna de se estar ajoelhado perante a divindade, e nem tampouco a de seriedade extrema numa fisionomia de sisudez e autoridade amedrontadoras, tidas como necessárias para se atingir este nível ou gradação evolutiva. Quando falamos em iluminação, não estabelecemos como "funções dos iluminados" as de serem Mestres da Humanidade...onde sejam reconhecidos pela amplitude de seus conhecimentos galácticos ou pela verborréia fosforecente... 

Os seres evolvidos, já libertos dos planos carnais de experiências, ou seja, as bilhões de populações de seres do universo, em milhares de moradias cósmicas ou etéricas, em bilhênios de eras, não necessariamente devem representar para os humanos criaturas desprovidas de sentimentos coerentes com as diferentes situações que vivenciam, onde também adotam expressões próprias, tendo predileções por cores, estilos e adereços em suas roupagens, gostos ecléticos quanto aos traços arquitetônicos de suas próprias moradias cósmicas ou em outros orbes...características e preferências individuais sobre assuntos, temas de observação, de colaboração ou ofícios espirituais, e assim por diante, como em vosso mundo. 

Tem todos eles suas especificidades de interesses. Agrupam-se em focos ou egrégoras diferenciadas entre si, quanto às suas apreciações de estilos musicais, artisticos, literários ou científicos. Existe iluminação espiritual em meio a todas as modalidades de pensamento próprio do seres. A mesma diversidade que vemos na Terra, em todos os sentidos, também existe no Universo. Basta refletirem sobre as infinitas características pessoais de cada ser. As nuances entre todos os gostos, vocações, capacidades, habilidades, temperamentos, escolhas, personalidades, índoles, objetivos...e na variedade de expressões, de pontos de vista, de prioridades... 

Reflitam sobre os vultos venerados na humanidade e suas luzes próprias. Avaliem também como conhecem seres de suas famílias ou criaturas conhecidas, amigos ou outros tantos exemplos na própria Terra, ainda que tão atormentada, mas que eram ou são luzes na Terra, ao seu modo, e agindo normalmente, em quaisquer campos de ação. 

Eram então, também, diferentes nas modalidades de suas aspirações pessoais, esses dois seres de Vénus, que retornaram, cada um a seu tempo, aos planos espirituais, após muitos milhares de anos em vosso planeta, obedecendo ainda a toda uma necessária restauração de suas energias próprias, de seus arquivos de memórias, e de recomposição de seus corpos espirituais já maculados, de certa forma, pelas marcas indeléveis de infindáveis desafios da vida terrena, as quais se anulam, após estágios equalizadores em várias estâncias do mundo espiritual.

Quando já tiverdes identificado os dois personagens que estão em foco nesta mensagem, estas duas criaturas especiais, vão encontrar em suas histórias, aparentes dissonâncias sobre o seu grau evolutivo. Mas vieram dos recantos plácidos deste mundo tutor do vosso e aguardaram, vivenciando, nos séculos aí em vosso plano, como seres humanos, as mais diversas situações até mesmo carmáticas, por terem adentrado o reino da roda evolutiva, no esquema das leis de ação e reação...

Um deles revelou ao mundo o poder da fantasia e da imaginação e o poder da conquista e da concretização de sonhos e ideais, através da materialização destes, impulsionados pela mente extasiada e enlevada, gerando forças desconhecidas no imo das almas. Criando mecanismos, estratégias literárias, movimentos a personagens aparentemente fictícios, descortinou este idealizador de sonhos, um horizonte de perspectivas e alvos subjetivos, de expansão da vibração do "encanto", para os seres humanos. 

Através de sua especialidade vibratória no universo, deixou este grande ser, os rastros de amor de seu espírito pela planeta a que, um dia, decidiu-se a colaborar, sabedor no intimo de sua alma esquecida de suas origens, de que todo o seu empenho criativo representaria um oásis para os seus irmãos da Terra e geraria arquétipos inesquecíveis, de alegria, esperança, enlevo e felicidade. 

Substâncias químicas geradas pelo encantamento dos seres funcionam também como alavancas da evolução, mostrando aos seres humanos outras percepções da realidade, por cuja vontade de estar sempre vibrando naquele mesmo diapasão de beleza e encantamento, surgem raios poderosos de assimilação de forças cósmicas materializantes dos anseios humanos superiores. O nosso outro personagem confunde os irmãos da Terra sobre seu nível espiritual, na gradação cósmica dos seres. Isto porque o embasamento que dá origem aos vossos julgamentos está estruturado em visões distorcidas e incompletas sobre as características de seres superiores e de seres em evolução, como já afirmamos. 


Aparentemente o nosso conterrâneo venusiano extrapolou medidas em alguns âmbitos. Indiscutivelmente, as vivenciações de repetição de esquemas evolutivos, ou seja, quando almas já ditosas, em mundos elevados, decidem-se a enfrentar o cadinho das torpezas humanas, retornando a um plano inferior, para auxiliá-lo, enfrenta como todos, os múltiplos obstáculos, adversidades, incongruências e disparates da civilização ali sua nova companheira de convivência milenar. Fora necessário, em vista de situações antigas de encarnações que este nosso amigo vivenciou em vosso mundo, que se abatessem sobre a sua vida determinados acontecimentos, não passíveis de julgamentos nossos e muito menos vossos, dada a complexidade da questão, indevassável para vossas interpretações equivocadas sobre as vidas das criaturas humanas. 

Trouxe à humanidade, o nosso Michael, nesta atual existência, uma contribuição à mentalidade dos homens sobre vitórias, sobre enfrentamento de barreiras invisíveis aos vossos olhos e percepções, mas que dizem respeito apenas à sua alma, imersa, em vidas passadas, em aparentes impossibilidades e incapacidades.  O tipo de vivência interna obtida através dos seus próprios paradigmas foi vital à sua alma visionária, de sensibilidade inigualável diante da dor humana, de sintonia fina com o universo particular das pessoas mais jovens e até mesmo dos mais tenros, com os quais sabia ele interagir de maneira favorável a todas as partes, por ter a facilidade de interpretar as carências espirituais e humanas, pelos intrincados testemunhos de submissão que teve que dar aos progenitores desta e de outras vidas. 

O contributo fundamental que veio trazer à Terra consumou-se nesta sua última experiência neste orbe!  O planeta se funde num festival magnífico de explosões de amor e solidariedade, instigados e impulsionados pelo carisma exemplar de sua figura misteriosa, profunda, sensível e inocente, de alma incompreendido e apedrejada pelos equívocos quanto à sua enigmática performance encarnatória, atípica, o que faz os seres humanos se deleitarem na critica e no juízo impróprio de suas aspirações, comuns às almas desadaptadas ao planeta e revoltadas intimamente por não deterem poderes de ação definitiva para soluções que seu espírito intimamente conhecia. 

Retornarão os dois heróis...pai e filho...após estas duas vidas de indizível importância para suas almas e para os terráqueos, ao labirinto ascensional que os levará de volta à sua Pátria verdadeira, muito em breve , depois de restabelecido totalmente o filho amado de Walt, a quem este último inspirou, até seus últimos suspiros, a venerar ao Criador e ao plano de experiências em que vieram aportar, trazendo as suas inesquecíveis proezas, que se tornaram marcas indeléveis de amor, emoção, êxtase, encantamento, inebriantes forças de expansão do chackra cardíaco dos seres humanos e que se eternizaram para o bem das almas da Terra! 

Construíram ambos um edifício encantado, uma estrutura planetária mesclada de energias sublimes do primeiro, nas estórias, lendas, canções e fantasias de planejamento superior, a despeito de interesses materiais que, naturalmente, permeiam as vidas dos homens da Terra, com as energias vivificantes do segundo, na sua saga de conquistar a sua própria alforria de seus tormentos internos, vendo-se como vitorioso nesta existência, com louvor pelas empreitadas humanitárias.  As novas posturas conceituais dos mensageiros de vanguarda, no movimento novo que está se instaurando na Terra, são aquelas que não escondem mais a hipocrisia da pseudo-iluminação...Quando se está em carne humana, a própria química do organismo físico em que o espírito se alberga "luta" com o grau evolutivo que muitas almas já conquistaram no decurso das eras.

Podem ser as almas humanas, de qualquer origem universal, amados, pois criaturas de outros planos, no contato com a selva da ignorância, apreendem e assimilam um tanto das condições evolutivas dela. Continuam agindo como qualquer um de vós, com suas características próprias, seus anseios e suas lutas e isso não ofusca as suas luzes originais.  Conquistas eternas da alma podem ser alteradas em encarnações planetárias, mas a luz que se adquire pelas virtudes solidificadas em eras de experiências espirituais, não muda o quadro interior de emanações de luz... 

Basta lembrarmos de Paulo de Tarso, perseguindo Jesus... No passado, mais um venusiano em missão na Terra, encarnando, dentre muitas vivências diferenciadas, algumas estagiadas na vibração do orgulho e da ação iníqua... Logo mais, como Saulo, perseguindo o Cristo, torna-se cego diante da sua luz, na estrada de Damasco, assumindo em seguida a missão de ser o seu maior apóstolo. Está ele, hoje, entre os dispensadores de raios de Cura ao planeta e, no entanto, embora tendo ele sido trazido à Terra em condições de grande sabedoria quanto aos poderes universais de refração do mal, em suas encarnações no plano terreno experienciou inúmeras situações, onde teve que salvaguardar a própria vida, se não se defendesse em ataques de algumas feras humanas, em épocas diversas de suas encarnações múltiplas.  "Iluminação" não é demonstração de austeridade, santidade e inviolabilidade dentro do contexto das vibrações dos planos materiais de experienciações do espírito. É sim a "Vitória do Espírito sobre si mesmo", tendo superado suas próprias deformações.

Isto, no entanto, não representa perfeição absoluta! E nem mesmo um absoluto controle de sentimentos, sensações e ações quando os seres iluminados descem aos planos de escala dimensional mais densa. Por isso mesmo, a despeito de quaisquer objeções que os meus amados filhos da Terra façam aos méritos dessas duas almas de missão especial, a de " INEBRIAR A TERRA", serão eles, para toda a eternidade, os nossos adorados irmãos da "Chama Imorredoura da Alegria, da Pureza e da Esperança"!! É uma chama iluminadora, iluminativa, iluminada...dinamizadora de eflúvios de enlevo! E também da "Chama da Sinergia Cosmo-Telúrica", quando as almas superiores, providas da energia dos mundos elevados, ancoram-na no plano vibratório do planeta onde aportam, trazendo mais efetividade de consolidação de novas frequências no ser planetário, através das suas obras artísticas, musicais, literárias, de arquitetura, dança, desenhos, estímulos visuais, coreográficos, etc 

Chama essa que dá vigor aos movimentos, dá sentido aos sons, dá verdade à fantasia, dá esperança ao desconsolo, dá sonhos à realidade endurecida das vidas humanas.  Serão eles mais dois dos novos mensageiros do Mundo Maior, doravante...Trarão notícias dos seus reinos originais e ainda embalarão a Terra, com seus espíritos libertos !  Tornarão a fomentar os sonhos nos homens e conspirarão ainda pelo amor e pela paz, neste vosso mundo, através de suas irradiações esplêndidas aos seres humanos, através de seus peitos consagrados pelos Mestres,como lauréis de luz, prêmios do Pai pelo Bem que propiciaram ao planeta.  Foram eles os vanguardeiros de modalidades pioneiras, astuciosas e iluminadas, de amor ao mundo, e mais obras irão "inspirar" aos seres humanos, mesmo em espírito!

Deixo a vós o meu raio-rubi-dourado de amparo amoroso e incondicional a todos vós, insuflando em vossas almas o anseio de conhecerem e sentirem, sempre, as emanações de luz singular dos feitos desses eternos e irradiantes benfeitores das paisagens externas de vossas vidas, como também, e, principalmente, no cenário do vosso interior, aglutinando sentimentos mais expandidos e pulsantes, para o acalanto de vossas almas, nas suas lides terrenas tão atordoantes. Saudemo-los pelo seu êxito na proposta que fizeram para o vosso globo azul !! Foram os "CONSTRUTORES DO ENCANTO" na vossa vida planetária !!! 

MESTRA NADA 
 ( Mensagem psicografada em 16/06/2010, por Rosane Amantéa) http://avozdoraiorubi.blogspot.com/







Copyright © 2012-2013. Por Matéria Sublime e Sementes das Estrelas. Todos os direitos reservados. É dada permissão para copiar e distribuir este material contanto que o conteúdo seja transmitido integralmente e sem alteração, o autor seja creditado, seja distribuído gratuitamente, e esta nota de direitos e o link sejam incluídos. 




Enviar um comentário