15 março 2012

MÃE MARIA - Este é um ano decisivo para a consolidação...

 15.03.2012


Amados Filhos,
Que as bênçãos do amor tragam paz aos vossos corpos, mentes e corações.

Este é um ano decisivo para a consolidação de vossas preparações rumo a um novo patamar de evolução.
É hora, pois de acelerar vossos processos de purificação.

Vossos pensamentos precisam ser refinados, vossos corpos físicos precisam ser purificados, vossas ações precisam reflectir a vontade de vossas almas.

Mãos a obra, esta é a tónica do momento. Começai por vossos pensamentos, e procurai estardes alerta para quais deles se direcciona vosso foco. Onde colocais vossa atenção, amados? Lembrai-vos que vossa realidade se origina em vossos pensamentos, e cada vez mais, por força da alteração do eixo magnético de vossa Mãe Terra, o que pensais, criais.

Vigiai, pois vossos pensamentos, continuadamente perguntando-vos sempre para qual realidade quereis direcionar vossas atenções e vossas energias. Lá está vosso mundo, lá está o dia a dia que vivenciarás por vontade própria. Essa é a verdade que impera em vosso mundo, eis que foram todos vós dotados de livre-arbítrio. É tempo, também, de poupar vossas energias, estejam elas direccionadas para vossos corpos físico, emocional ou mental. 


O corpo, a mente e o coração precisam de descanso, precisam dessa ajuda para mergulharem no silêncio que fala, o silêncio onde a alma se manifesta soberana e expressa sua vontade, para tornar possível a concretização do vosso propósito nesse mundo da ilusão. Cuidai com carinho de vosso corpo físico, dando-lhe o descanso que ele tanto necessita neste tempo. 

Tratai-o com reverência, alimentando-o com alegria e contentamento, oferecendo a magia da música para vossos ouvidos e imagens repousantes para vossos olhos. Deixai que vosso tacto e vosso olfacto possam interagir com a Mãe Natureza, permitindo-vos tocar tudo que tem vida, absorvendo seus aromas, reverenciando sua beleza, expandindo a força do vosso coração para abraçá-los, buscando a tão almejada integração com todos os reinos que habitam vossa Mãe Terra. 

Recusai alimentos que não contém vida, aqueles criados pela interferência do ser humano, aqueles que não se originaram pela vontade do Pai, mas, sim pela manipulação do homem. É momento, pois de imprimir mudanças substanciais em vossas dietas diárias, para que a luz encontre espaço para preencher vossos recipientes. Começai introduzindo muita água nos intervalos de vossas refeições. 

Buscai, em seguida, substituir vossa última refeição sólida de cada dia por uma líquida. Quando vossos corpos se habituarem a essas mudanças, introduzi em vosso cardápio uma refeição onde todos os componentes ingeridos sejam crus. Desprezai, paulatinamente, todos os ingredientes de vossa alimentação diária que contenham qualquer tipo de conservante que não seja natural.

Passo a passo, dia após dia, transformai o ato de comer naquilo que ele verdadeiramente é em essência – o ato sagrado cuja finalidade é ajudar vosso corpo físico a transformar o alimento em luz, para que a luz possa alimentar vosso espírito, fortalecendo mais e mais vossa conexão com o Divino. É tempo de compreenderdes que a qualidade do alimento que ingeris vai tornar possível sua transformação em energia subtil ou densa. 



Corpos são, mentes sã, emoções equilibradas. Sem concluirem esta etapa de vossa jornada a unidade tão almejada será só um sonho não concretizado, como sonho também será o despertar da mente superior, aquela que vos permite a conexão com a Mente de Deus para finalmente voltar a ser um com o Pai Criador. 

Bem amados, a cada dia vosso tempo se torna mais escasso; não desperdiceis, pois esse precioso presente que recebeste ao encarnar no mundo da ilusão – o tempo físico, tempo que vos possibilita a compreensão e a correção de todos os vossos pensamentos, sentimentos e ações não condizentes com a herança de que sois portadores, e que vos permite ser e actuar no mundo como um Filho da Luz.

Bem amados, que vossas preciosas orações actuem em todo o inconsciente colectivo da humanidade para ajudar todos os vossos irmãos a despertar do sono prolongado que os mantém ainda separados do Pai Criador. Mães, que amam, mães que esperam pelo regresso dos amados filhos que estão longe, mães que cuidam dos seus filhos, mães que cuidam do lar, mães que amamentam e se doam sempre, mães que sofrem, mães... Eu deixo em vossas mãos o meu amor. 

Eu sei de tudo o que sentem, porque eu senti, eu sofri, eu esperei, eu protegi, eu cuidei, eu amei... Ao meu pequenino transmissor, deixo o meu amor pleno... Venha filho, coloca a tua cabeça em meu colo e chora... Chora e chora... Irei confortar-te (vos) Bem amados, Eu vos deixo agora derramando sobre todos vós as minhas bênçãos e envolvendo a todos no meu manto de proteção. Perdoem e amem sempre.
Amorosamente a vossa Mãe, Maria

Gabriel Em amor e luz

Enviar um comentário